Início Semana da Mineração irá debater causas dentro do setor como a sustentabilidade nas atividades




Semana da Mineração irá debater causas dentro do setor como a sustentabilidade nas atividades

fevereiro 8, 2022 às 2:10 pm
Compartilhe
Siga-nos no Google News
O Ministério de Minas e Energia irá promover a Semana da Mineração, com o intuito de discutir certas pautas dentro do setor, como a questão da sustentabilidade e planos da ANM
O Ministério de Minas e Energia irá promover a Semana da Mineração, com o intuito de discutir certas pautas dentro do setor, como a questão da sustentabilidade e planos da ANM. Fonte: Divulgação

O Ministério de Minas e Energia irá promover a Semana da Mineração, com o intuito de discutir certas pautas dentro do setor, como a questão da sustentabilidade e planos da ANM

No decorrer dessa quarta-feira, (08/02), até quinta-feira, o Ministério de Minas e Energia irá realizar a Semana da Mineração com representantes do setor de todo o Brasil. O encontro visa o debate sobre diversas pautas dentro do segmento, como a sustentabilidade nas operações, as projeções para o futuro do setor e, é claro, os novos projetos da Agência Nacional de Mineração, a ANM.

Não perca outras notícias do setor:

Ministério de Minas e Energia irá promover Semana da Mineração para debater sobre causas e futuro do setor no mercado nacional 

O setor da mineração, apesar de ser um dos mais presentes na economia brasileira e ser bastante relevante no mercado nacional, ainda está bastante atrasado em relação a outros segmentos, principalmente se tratando da questão ambiental. Dessa forma, o Ministério de Minas e Energia irá realizar um encontro com os representantes do segmento, a Semana da Mineração, com o intuito de debater sobre a modernização do setor, o uso da sustentabilidade nas operações e projeções do futuro da área junto da ANM. 

Os três dias do evento contarão com dinâmicas que incluem lançamentos do governo para o setor mineral, palestras, workshop, seminários e, o mais esperado, o Prêmio Cidades Mineradoras. Irão estar presentes no encontro o Ministro de Estado de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e o Secretário de Geologia, Mineração e Transformação Mineral. Assim, os representantes do setor e a população brasileira terão acesso aos planos do governo para o segmento, como o Plano Nacional de Mineração 2050 (PNM 2050) e, além de tudo, a nova Oferta pública de áreas da Agência Nacional de Mineração (ANM) e Ações do Serviço Geológico do Brasil – SGB/CPRM.

O evento irá acontecer de forma híbrida, tanto com a participação presencial dos representantes quanto com a transmissão on-line para todo o Brasil conseguir acompanhar. Assim, os interessados poderão assistir o evento nas suas casas, apenas entrando no canal oficial do Ministério de Minas e Energia no YouTube, através DESSE LINK AQUI.

Setor da mineração necessita de novas alternativas para a sua modernização e novas escolhas que incluam a sustentabilidade nas operações

Um dos principais pontos que serão debatidos dentro da Semana da Mineração é a modernização do setor, uma vez que o segmento mineral brasileiro ainda se encontra muito atrás das demais áreas. Assim, a ANM continua sendo parabenizada pelas iniciativas e está projetando grandes projetos que virão para mudar esse cenário e serão apresentados durante o evento promovido pelo Ministério de Minas e Energia. 

O presidente da CBPM, empresa que adotou os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODSs), Antonio Carlos, comentou sobre a necessidade de mudanças em relação à sustentabilidade no setor e destacou que “Para que a mineração ande no Brasil é preciso uma maior efetividade da ANM. A CBPM por exemplo, única empresa estatal do segmento no país e que está prestes a completar 50 anos, possui diversos processos parados na ANM, alguns há mais de cinco anos, a exemplo dos processos 872759/2012 e o 872740/2012, que aguardam desde 2017 a vistoria de fiscalização para análise do relatório final de pesquisa. Tanto tempo para o andamento de um processo é inaceitável e gera muitos problemas para a economia do país e da Bahia, principalmente na geração de emprego e renda”.

O executivo ainda parabenizou o Ministério de Minas e Energia pelo desenvolvimento do encontro, uma vez que a discussão sobre a sustentabilidade no setor da mineração se faz cada vez mais presente e a ANM precisa se manter mais firme em relação a essa pauta nas explorações minerais brasileiras.

Relacionados
Mais recentes